Identificando a Pitaia

Diferença de Pitaia e Rainha da Noite.
    DIFERENÇA DE PITAIA E FLOR DAMA DA NOITE.
    Ephi OU Epiphyllum
    Conhecidos no Brasil como Dama da noite. Porém não são todos Dama da noite, esse nome foi atribuído apenas as brancas, qualidade oxypetalum. A atribuição do nome Dama da noite, é valida universalmente a este Epiphyllum branco, os outros recebem outros nomes e apelidos.
    Epiphyllum é um género botânico da família cactaceae. Há muitas espécies, mas derivam entre 19 espécies estão incluídos: 
    FLORAÇÃO DA DAMA DA NOITE:
            
      
  • Epiphyllum oxypetalum conhecido como Dama da Noite, propriamente suas flores abrem após as nove horas da noite e fecham pela manhã, suas flores são brancas, apenas brancas. O aspecto é diferente, basta ver o pendão que se forma da flor, é longo e fino, e a flor abrirá e ficará suspensa pelo talo cumprido. Suas flores podem ser banquete de mariposas, morcegos, vespas e outros bichos, seu perfume é forte e adocicado.A planta apresenta-se talos e folhas lisas, diferente da pitaia que apresenta talos quinados.
FLORAÇÃO DA PITAIA
      
  

  •  Epiphyllum Pitaya Dragon Fruit O termo pitaia deriva fruta escamosa, sendo chamada de fruta-dragão. É uma das planta só floresce pela noite (com grandes flores brancas de dentro amarelado ou esverdeado) são também chamadas de Flor-da-Lua ou falsamente de Dama da Noite. Ao gênero Hylocereus e a família Cactaceae, é um epiphyllum. A planta apresenta três lados, ou seja quinas diferentes, já a dama da noite é lisa.
  • PROPRIAMENTE A PITAIA
               A Pitaia não é uma dama da noite, se trata de uma fruta, não confundam isso, porque dama da noite, ou seja, Epiphyllum oxypetalum não dão frutos escamados como pitaia.
               Aqueles frutos que possuem na parte de dentro as cores branca, ou amarela, são bem mais caras. Porque seus pigmentos não colorem a boca.
                Porém as de cores avermelhadas internamente são75% mais baratas que as outras.
                Sabe que os nutrientes da pitaia são muito enriquecedores para o organismo humano, principalmente para a digestão.
               O fruto apresenta uma beleza exótica, escamoso e colorido, dentro assemelha-se ao kiwi, porém um gosto mais adocicado, suas sementes ao serem mordidas parecem explodirem na boca, dando uma sensação de boca cheia de água, é irresistível o sabor.
              A fruta ao ser plantada percebi que se utilizada estaquias de no mínimo 20cm elas dão inicio a brotação em menos de um mês e depois já começam a desenvolver-se com raízes, em menos de quatro anos atingem a idade adulta e começam a dar plena carga, isso foi o que verifiquei nas plantadas no sitio de minha família. Por se tratar de mudas grandes os bichos como larvas, quase não afetam, se isso ocorrer, basta usar defensivo agrícola para frutas.
              Já as sementes nascem sim, porem o desenvolvimento é lento, precisam de acompanhamento mais afino, por causa de larvas, insectos, mais levam cerca de seis anos para apresentar frutos, isso foi que verifiquei com um amigo que plantou sementes e está colhendo esse inicio de 2011, já eu estou colhendo desde 2009 frutos grandes e saudáveis.

É uma planta perene e que comumente cresce sobre árvores ou pedras; tem raízes fibrosas, abundantes e desenvolve também numerosas raízes adventícias, que ajudam na fixação e na obtenção de nutrientes; os cladódios são triangulares, suculentos e apresentam espinhos com 2 a 4 mm de largura. A flor é hermafrodita, de coloração branca, grande (mede cerca de 20 a 30 cm de largura) e abre durante a noite. Os frutos são vermelhos externamente, muito atrativos ao consumidor, com polpa esbranquiçada, de sabor agradável, levemente adocicado, apresentando um grande número de diminutas sementes, de coloração preta (Canto, 1993).

CANTO, A.R. El cultivo de pitahaya en Yucatan. Universidad Autônoma Chapingo - Gobierno Del Estado de Yucatan. 53p. 1993.
OBSERVAÇÃO: folhas de pitaia e folhas de dama da noite são diferentes:

folha de dama da noite, lisa e sem espinhos algum.

folhas de pitaia, 3 quinas e sempre tem espinhos e raizes que se agarram em arvores.

O restante do material foi elaborado através de conhecimentos que tive através de leituras em sites, conversas com amigos, plantando a própria fruta.

Curiosidades:
• Epiphyllum anguliger Aquela que chamamos de cacto sianinha.
• Epiphyllum caudatum
• Epiphyllum chrysocardium
• Epiphyllum crenatum
Epiphyllum guatemalense ( foto var branca e amarela) minha, basicamente da mangueira de casa, tem  mais de vinte anos. os frutos sempre soltam mudinhas que planto na mata da cidade.
• Epiphyllum hookeri
• Epiphyllum lepidocarpum
• Epiphyllum macropterum
• Epiphyllum phyllanthus
• Epiphyllum pumilum
• Epiphyllum thomasianum
Quem tiver uma folha para doar, aceito de qualquer especie, que não seja as que tem foto, porque estou querendo colecionar estas belezuras.